Conceptos Categóricos

VALIDADE E REPRODUTIBILIDADE DO <I>INTERNATIONAL PHYSICAL ACTIVITY QUESTIONNAIRE</I> EM LONGEVOS <I>(EN ANCIANOS)</I> - Red Científica Iberoamericana (RedCIbe)

Red Científica Iberoamericana

VALIDADE E REPRODUTIBILIDADE DO INTERNATIONAL PHYSICAL ACTIVITY QUESTIONNAIRE EM LONGEVOS (EN ANCIANOS)

Saulo Vasconcelos Rocha1,Martha Cerqueira Reis2,Roseane Aparecida Sant' Ana do Nascimento3,Clarice Alves dos Santos4,Lélia Renata Carneiro Vasconcelos5,Tânia Rosane Bertoldo Benedetti6 y Camila Fabiana Rossi Squarcini7
1Doctor en Educacion Fisica, Profesor, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, Jequie, Brasil
2Fisioterapeuta, Hospital Ana Nery, Salvador de Bahìa, Brasil
3Médica, Programa Mais Médicos, Brasil
4Doctor en Educacion Física, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, Jequie, Brasil
5Fisioterapeuta, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, Jequie, Brasil
6Doctora en Educacion Física, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianopolis, Brasil
7Educacion Física, Universidade Estadual de Santa Cruz, Ilheus, Brasil

Jequie, Brasil (SIIC)

O International Physical Activity Questionnaire (IPAQ), forma longa, semana/usual/normal para idosos longevos, apresenta boa (formato extenso, semanal/cotidiano/normal para ancianos longevos, presenta buena) estabilidade entre as medidas teste/reteste, o que denota uma boa reprodutibilidade deste instrumento quando aplicado para idosos longevos.


Já está bem estabelecido na (Se ha establecido en la) literatura que a prática regular de atividade física proporciona evidências positivas para a saúde física, cognitiva e psicológica de idosos (la salud física, cognitiva y psicológica de los ancianos).1,2 A atividade física pode ser influenciada por determinantes bio-psico-sociais, culturais e comportamentais3 e tem sido avaliada por diferentes técnicas sejam elas (y han sido evaluadas por técnicas) diretas e indiretas.4

Uma dessas técnicas são os questionários, que se caracterizam como instrumento de auto-relato da atividade física, amplamente utilizado por apresentar baixo custo financiero (por resultar de bajo costo financiero), que permite medir grandes grupos populacionais e é de fácil aplicação, com reduzida demanda de tempo.4,5 Além disso, esse (Además, este) instrumento permite a avaliação da atividade física em diferentes domínios e formas (duração, frequência, intensidade e tipo de atividade).6

Dentre os questionários utilizados para estimar o tempo e a intensidade da atividade física entre idosos, tem-se o International Physical Activity Questionnaire (IPAQ), adaptado para esta população. Ele é um instrumento que permite estimar o dispêndio energético semanal de atividades físicas por meio de 5 domínios e apresenta bons indicadores psicométricos de validade e reprodutibilidade quando utilizado com idosos (y presenta buenos indicadores psicométricos de validez y reproductibilidad utilizado en ancianos) brasileiros.7,8

Apesar da adaptação para idosos brasileiros, há uma subdivisão dentro desta categoria dividindo-os em idosos entre 60 a 79 anos e idosos acima dos 80 anos, os idosos longevos.9 Esta divisão deve ser levada em consideração ao se analisar as projeções nacionais que mostra um aumento vertiginoso no número de idosos longevos.10

Nesse sentido, como há evidência que a idade, assim como a língua, pode influenciar na validade do (En este sentido, habiendo evidencia de que la edad, como el idioma, pueden influenciar en la validez del) IPAQ,11 faz-se necessária a identificação de instrumentos que atendam aos critérios psicométricos de validade e reprodutibilidade, para avaliar o nível (se hace necesaria la identificación de instrumentos que contemplen los criterios psicométricos de validez y reproductibilidad, para evaluar el nivel) de atividade física entre os idosos brasileiros longevos. Os resultados poderão contribuir para a construção de intervenções direcionadas à população longeva, orientando as práticas (quantidade, intensidade e frequência) conforme a realidade do idoso, além de (en concordancia con la realidad del anciano, además de) verificar os problemas relacionados com o declínio funcional ocasionado pelo processo de envelhecimento.6

A amostra foi constituída por 30 idosos com 80 anos e mais de idade, residentes e cadastrados na (ochenta años en adelante, residentes y registrados en la) Estratégia de Saúde da Família do município de Jequié – Bahia. 
Para mensurar o nível de atividade física (AF), foi utilizado o IPAQ formato longo, semana usual /normal, adaptado para idosos brasileiros por Benedetti et al.12 De acordo com o IPAQ faz-se o registro do tempo despendido em atividades leves, moderadas e vigorosas em uma semana habitual. Nessa versão foram incluídas em cada questão do questionário original, exemplos de atividades que são comuns às pessoas idosas (son comunes a las de las personas ancianas) brasileiras; acrescentando além da frequência semanal e o tempo de realização das respectivas atividades físicas. Além disso, nessa versão os autores desenvolveram um quadro no qual o entrevistador deve (elaboraron un cuadro en el que el entrevistador debe) registrar o tempo referente a cada dia da semana em seus diferentes turnos (matutino, vespertino e noturno).12

Para validação do IPAQ, os escores desse questionário (kcal/dia) foram comparados com resultados obtidos pela avaliação do gasto energético gerado pelo (con los resultados obtenidos por la evaluación del gasto de energía generados por el) acelerômetro (kcal/dia).

O IPAQ foi aplicado duas vezes (teste e reteste), pelo mesmo avaliador, em forma de entrevista individual, com intervalo de 7 dias, no propósito de avaliar a estabilidade de suas medidas. A medida do gasto energético em atividades físicas por meio do IPAQ e pelo acelerômetro obedeceram às recomendações de Craig et al.13 Foi mensurado o gasto energético (El gasto energético se midió) durante os sete dias de levantamento, calibrado de acordo com a massa corporal e amplitude de passada registrada no equipamento (de acuerdo con la masa corporal y la amplitud de paso registrada en el equipo).

Na análise da reprodutibilidade teste/reteste do IPAQ, utilizou-se escores da correlação de Spearman (rs), percentual de concordância (%C), coeficiente de correlação intraclasse, o índice kappa (k). Foram considerados os escores finais das aplicações do IPAQ, obtidos a partir da soma de cada uma das dimensões específicas que compõem o (obtenidos a partir de la suma de cada una de las dimensiones específicas que componen el) instrumento (trabalho, transporte, tarefas domésticas e lazer). Na análise da validade concorrente, utilizou-se o cálculo do %C, coeficiente de correlação intraclasse, o índice kappa e a correlação de Spearman, entre as estimativas de dispêndio energético. Estes dados foram obtidos por meio da aplicação do IPAQ e dos resultados mensurados com o acelerômetro de atividades físicas.

Em ambas, as análises se procedera a plotagem em diagrama de dispersão de Bland e Altman (1986)14 com objetivo de visualizar as diferenças entre as médias e os limites extremos de concordância. Os pontos de corte para a avaliação do gasto energético por meio do IPAQ foram determinados por meio da análise das curvas ROC. Para identificação da área total sob a curva ROC entre a avaliação por meio do IPAQ e do acelerômetro, utilizou-se o intervalo de confiança (IC) de 95%. Quanto maior a área sob a curva ROC, maior o poder discriminatório do IPAQ.15

Participaram do estudo 30 idosos, 76.7% do sexo feminino, com média de idade de 84.5 (± 5.1) anos, em sua maioria viúvos (en su mayoría viudos) (56.7%).

Com relação aos resultados da reprodutibilidade (Tabela 1) entre as aplicações do IPAQ no intervalo de 7 dias, identificou-se uma boa estabilidade entre as medidas (teste/reteste). O percentual de concordância entre elas foi considerado bom. Contudo, de acordo com o índice Kappa as medidas apresentam uma concondância regular.




Tendo como referência o critério de Bland e Altman,14 as diferenças entre as médias da aplicação do teste e reteste aproximam-se das médias entre as aplicações do questionário (Figura 1).




Com relação aos resultados de validação (Tabela 2), as medidas analisadas apresentam uma boa correlação segundo o resultado da correlação de Spearman, e moderada correlação com base no índice kappa. Contudo, o percentual de concordância mostrou-se baixo (Con esto, el porcentual de concordancia se mostró bajo) (Tabela 2). A análise da curva ROC mostrou que o IPAQ apresenta um excelente poder discriminatório frente ao acelerômetro. A área total sob a curva ROC entre o IPAQ e o acelerômetro foi de 0.90, IC 95%: 0.74-0.98, p = 0.001 (Figura 2).

 







A partir da análise de dispersão por meio do teste de Bland-Altman (Figura 3), foi identificado uma grande variação entre os escores dos desvios-padrões. Este fato indica elevada variação entre as (Este dato indique una elevada variación entre las) medidas do IPAQ e do acelerômetro.







A análise da reprodutibilidade demonstrou boa estabilidade na aplicação do IPAQ em idosos longevos. Resultados semelhantes foram encontrados no estudo realizado com idosos que apresentaram média de idade de 66.6 (± 4.3) anos, evidenciando uma boa reprodutibilidade (teste/reteste) (rs = 0.95).7 No presente estudo foi identificado uma boa estabilidade de medidas teste/reteste, com diferença estatística significante (p < 0.01), resultados esses condizentes com estudo realizado na região sul do Brasil.12

Neste estudo, optou-se por utilizar intervalo de 7 dias, para minimizar perdas pela dificuldade (para minimizar pérdidas por la dificultad) de registro de memória das atividades pelos idosos, devido a idade avançada e a baixa escolaridade da amostra (debido a la edad avanzada y la baja escolaridad de la muestra). Contudo, observa-se que essa estratégia pouco influenciou nos resultados obtidos.7,12

O presente estudo encontrou correlação de Sperman (rs = 0.71) superior ao resultado apresentado pelo Comitê Executivo que avaliou o IPAQ no Brasil (rs = 0.69).16-18

Em estudo de validação realizado no Brasil com idosos do sexo masculino, evidenciou um índice kappa baixo (k = 0.03),7 semelhante ao encontrado nesta pesquisa (k = 0.03). Em contrapartida, nesse mesmo estudo, o valor da correlação de Spearman (rs = 0.24) foi baixo, não apresentando associação estatisticamente significante (p = 0.05), e os níveis de concordância foi considerado bom (62%).

Estudo realizado por Medina et al.,19 com indivíduos adultos no México, verificou uma validade baixa (r = 0.26 e r = 0.31, p < 0.01), na versão curta do IPAQ, para avaliar as relações e as diferenças (en la versión reducida del IPAQ, para evaluar las relaciones y las diferencias) entre atividades físicas moderadas e vigorosas. Na pesquisa realizada com idosos da população belga, o instrumento IPAQ-L mostrou validade de critério moderada (rs = 0.33-0.40).17

O processo de validação do IPAQ conduzidos em outros países por Craig et al.13 e Nang et al.16 obtiveram validade de critério com mediana em cerca de 0.30 (forma curta e longa), r = 0.31 para atividades vigorosas e r = 0.15 para atividades moderadas, respectivamente.

Ainda um outro estudo, conduzido no Reino Unido com idosos de ambos os sexos, verificou uma validade moderada (r = 0.52, p < 0.01) ao analisar as atividades físicas moderadas e vigorosas na versão longa do IPAQ frente ao acelerômetro. Neste estudo, os autores também analisaram o comportamento sedentário, que apresentou uma validade boa para os dias da semana (r = 0.70, p < 0.01) e uma validade baixa (r = 0.26, p > 0.05) para os finais de semana. No que se refere grau de concordância entre as medidas de atividades física do IPAQ e do acelerômetro, os autores constataram viés ao utilizarem o procedimento de Bland-Altman,14 pois houve diversas medições com valores abaixo de zero e (pues encontraron diversas mediciones con valores por debajo de cero y) diversos idosos muito ativos relataram valores supraestimados,20 fatos não observados em nosso estudo (ancianos muy activos relataron valores sobreestimados, hecho no observado en nuestro estudio).

É importante ponderar o fato de que idosos mais velhos (longevos) têm maior dificuldade em recordar as atividades do dia-a-dia (Es importante destacar el hecho de los ancianos más longevos tiene más dificultad para recordar las actividades del día a día), o que pode influenciar nos resultados das medidas do IPAQ. Além disso, destaca-se também a presença de limitações no acelerômetro que ocasionam impacto no nível de atividade física dos idosos uma vez que o registro da atividade é adotado conforme critérios de processamento dos pesquisadores. Também a atividade física escolhida pelo idoso influência no resultado, pois ela pode não ser (la actividad física elegida por el anciano tiene influencia en el resultado, puesto que no puede ser) registrada. Por exemplo, o ciclismo, a hidroginástica (gimnasia en el agua), a bicicleta ergométrica e o yoga, são consideradas as atividades mais praticadas por idosos conforme avaliado em 2015 pelo IBGE21 e que não são mensuradas pelo acelerômetro. Por outro lado, o estudo apresentou critérios de validade e reprodutibilidade do IPAQ para idosos longevos (80 anos ou mais). O aperfeiçoamento e o desenvolvimento de instrumentos de rastreamento das condições de saúde específicas para esse grupo populacional favorece o melhor atendimento dessa população, adequando-o conforme suas condições e características e, dessa maneira, contribue para melhorar o direcionamento das ações e políticas de promoção da atividade física para os idosos longevos (favorece la óptima atención de este grupo poblacional, adecuando sus condiciones y características, y así contribuye a mejorar la dirección de las acciones y políticas de promoción de la actividad física de los ancianos longevos). 
O IPAQ, forma longa, semana/usual/normal para idosos longevos, apresenta boa estabilidade entre as medidas teste/reteste, o que denota uma boa reprodutibilidade deste instrumento quando aplicado para idosos longevos. Com relação à validade concorrente, pode-se inferir que as concordâncias entre os instrumentos IPAQ e acelerômetro são moderadas. Assim, o IPAQ é um instrumento confiável para mensurar o dispêndio energético semanal de atividades físicas para a população estudada.



ua51717
-->